sexta-feira, 18 de maio de 2012

O amor


Sonhei com um homem bom essa noite. Ele nesse papel bonito que tem exercido, de acolher em casa para os ensaios, oferecer alimento delicado, socorro para o táxi, carona na segunda-feira, o casaco em dia frio, coisa que amigo faz se amigo é, ações simples mas impregnadas de humanidade, solidariedade, carinho talvez, cheias de atitude e zelo. Sinto como se eu recebesse flores na companhia dele. Ele tem cheiro de flor. É um encontro calmo, doce, sereno. Eu o amo demais e farei tudo o que sei para realmente ter e conservar essa relação cada dia mais linda e verdadeira. Acho mesmo que não é preciso fazer nada, que já temos dados suficientes um do outro para confiar e gostar, profundamente. No sonho estávamos indo para a Índia, ou qualquer dos Ão daquela região. Ele precisava atender outra pessoa e eu fiquei com medo de perdê-lo, de perder o seu carinho. Fui tentar arrumar minha bagagem, cheia de objetos inúteis, muito volume de coisas, eu não sabia o que fazer, como me mover, não conseguia chorar ou me organizar, queria esperar por ele e estava angustiada, com medo de perder o avião, perder a vida, perder. 
Acordei preocupada. Porém o dia passando,  e vez por outra eu lembrava da voz grave que ele tem, de falas dele, da postura, da forma com flutua no seu passo firme e decidido e entendi que não há o que temer. O amor que lhe tenho está seguro, pulsa no meu coração e é genuíno. Ele querendo e precisando, estarei sempre presente. E isso me causou alento. É bem dificil sentirmos amor por alguém sem esperar a devolutiva. E não é que eu não precise dessa presença amorosa, é que entendo que não é possivel exigir isso. É um exercício custoso, mas o moço vale a pena.
Agradeço muito a Deus por ter conhecido esse homem e estar perto dele, fazendo um trabalho do qual temos gostado e que vai dando alguns frutos bem pequeninos. Ajude-me, anjinho da guarda, a conservar e melhorar essa relação, a sentir o que ela tem de verdadeira, e não o que eu quero que ela seja. Eu queria tocar a alma desse moço, e ser tocada pela dele. Queria que ultrapassássemos as barreiras da matéria e fôssemos de fato do mesmo grupo de trabalhadores pelo bem da humanidade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

formosa rosa

                                                                             * do jardim da Thais Formosa Rosa brasileira um ci...