domingo, 22 de abril de 2012

Sucesso

Senhores da Terra, somos emissários,
somos viajores
de passagem
e a trabalho
um trabalho intenso, profuso...
planilhas, quadros estatísticos, mapas cartográficos
terraplanagem, projetos gráficos
receituários
prontuários
tabelas
memorandos
memoriais
todos sobre a mesa
em francas revisoes.
Senhores da Terra, somos emissários,
somos viajores
de passagem
carregando na mala uma porção de artefatos inúteis.
Falta-nos, pasmem, nessa mesma mala, documentos fundamentais
para que tenhamos o sucesso
de conhecermo-nos
em nosso plano mais intimo
de conhecermo-nos no que queremos.
Feito parenteses,
na noite de ontem, enquanto a maestrina lia com o coro
um arranjo vocal para o tema Amor de indio, de Beto Guedes
meu corpo experimentou uma inundação de esperança
ou de excitação - como se fora sensação primária,
creio que um encontro das tres forcas
sexual, erotica e amorosa...
tudo por conta de uma sensacao
vivida na sexta-feira...
Deliciosa sensacao de sentir.
Nada de aparicao do Anjo,
ou encontro com Nossa Senhora...
algo mais afeito ao corpo...
um quente no peito
que acalentaria o mundo
Depois disso, é claro, agitei-me.
Por sorte, havia que fazeres em minha casa
e um cansaço mais expressivo
me levou acordada até as duas da manhã...
eu me permito pensar-te
eu me permito sentir a vibracao da tua voz
eu me permito lembrar a estrela em teus olhos
e desse modo perco o prumo da cronica
que se tinge de conto
Conto que o conto vai aumentar um ponto mais tarde...
... e isso do moco se fazer de morto
e quando vou la confirmar
vem a sentenca nao lembro, nao sinto saudade, nao ligo,
nao me importo
nao tenho o que oferecer...
ah, isso e tristura demais...
como sabemos o que e bom
sabemos SIM
quem sabe valeria mais registrar nessa cronica caotica
que a apresentacao no Hospital Bom Retiro
foi muito compensadora
terna...
pena eu nao conseguir transferir para ca uma foto
postada pelo Ari Almeida...
De ponto em ponto
fez-se mais um conto...

Nenhum comentário:

Postar um comentário

verso bordado

Lá fora a luz do dia, baça. Tu me disseste qualquer desafeto, verso E foste embora sem adjetivo que se interpusesse. Eu, às...